segunda-feira, 11 de junho de 2018

FIVE ALARM FUNK / Repostagem & Atualização



Originalmente publicado em 08.10.2012.



Antes de discorrer sobre a banda objeto desta postagem, devo agradecer a meu spacey broDim Maddy Lee por aplicá-la em meus combalidos neurônios (apenas 2 e operando em turnos) em sua última passagem pelos trópicos. Fiquei tão encantado com o que saia de meus falantes calejados por 25 anos de roquenrou que imediatamente reivindiquei exclusividade na postagem. Não sem muito protestar, meu querido amigo concordou e, após compromisso firmado e lavrado em cartório, eis que disponibilizo aos quase 2.000 parceiros que diariamente passeiam pelo meu, o seu, o nosso G&B a mais prazerosa mistura de funk, jazz, prog, latin, reggae, hard e heavy que já tive o prazer de ouvir: Five Alarm Funk (aka FAF).
Formado em Vancouver, CA, este mega-combo liderado pelo baterista e percussionista Tayo Branston e completada pelo excelente guitarrista Gabe Boothroyd, Oliver Gibson na outra guitarra, um naipe de metais em brasa formado por Nimish Parekh no trombone, Dameian Walsh no sax tenor e Kent Wallace no trompete, um set percussivo composto por Justin Kennedy, Tom Towers e Carl Julig de derreter assoalho e o groove animalesco do baixo de Neil Towers, propôe-se a fazer uma música fundamentalmente instrumental tomando por base o bom e velho funk gerado por matrizes do porte de The JB's, Tower Of Power, War, Mandrill, Earth, Wind & Fire, Kool & The Gang, Sly & The Family Stone, Parliament/Funkadelic, Ohio Players e quetais em performances absolutamente insanas. Mas isto não significa que atenham-se exclusivamente ao gênero imortalizado pela genialidade de James Brown. Na verdade, como explicitado no primeiro parágrafo, soam mais como se todas estas bandas estivessem em uma bela jam com Iron Maiden e Dream Theater. Alguns belos exemplos seriam 'Rock In/Rock Out', 'Voodoo Hairdoo', 'Zenith Escalator', 'Brother Egypt', 'Titan', 'Pyramid' e minha prediletaça 'The Iron Pegasus'. Todas brilhantemente executadas por músicos acima de qualquer suspeita.
Afaste os móveis da sala. O baile vai começar e não tem hora para acabar!!!






Adicionado em 10.06.2018.



Adicionado em 10.06.2018.



*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*¨*
VIDEOS





4 comentários:

The6070Rock disse...

Vi um comentario seu no hard & heavy e não consegui me conter:
Até nos comentários voces botafoguinhos são chorões... Se liga, SEEDORF 2013 é do Fluzão !!!

Marcello 'Maddy Lee' L. disse...

Faaaaaaaaaaala!!!
Antes de tudo, me desculpe pela demora em comentar aqui, mas estou num daqueles períodos de 200% do meu tempo tomado por trablaho - haja saco!!! rsrsrsrs

Não acredito que NINGUÉM comentou esse post! Uma banda super fuderosa, com discos que evoluem continuamente, com um som único e totalmente excelente e ainda por cima com a discog completa, que não é assim tão mole de se encontrar por aí e neguim sequer aparece pra agradecer... Muito desanimador!
Mas, sei lá, acho que a palavra FUNK deve afastar os mais desavisados e os ditos roqueiros que frequentam sua amabilísima birosca. Espero que, ao menos, o número de downloads dessas maravilhas estejam indo de vento em popa.

Apesar de eu gostar muito de todos os discos, tenhyo um apreferência pelos 2 últimos, em que eles incrementaram ainda mais as vastas influências e absorção de gêneros em sua Música (com maiúscula mesmo, é claro).

Só pra finalizar, você não tem somente 2 neurônios, os famos Tico & Teco, mas, sim, 3, e esse é que é o problema, o 3º é o Donald (supostamente um botafoguense... rsrs), que faz de tudo pra atrapalher os dois esquilos... rsrsrsrsrsrsrsrs

Abração, bRodão!

PS: estou no Rio, mandei e-mail, mas você nem tchuns...

Edson d'Aquino disse...

Não sei do que vc tá falando, xará! Não me lembro de ter comentado sobre futebol lá no H&H pois o Dagon entende de futebol como de música, kkkkkkkkkkk. Brincadeirinha...Nikiti Guy!!!

Mas antes ser chorão que vira-casaca; afinal, há até uns 3 anos vc era América! Ou já esqueceu???!!!!
[]ões

Edson d'Aquino disse...

Diiiiiiiiiiiga!!!
Pois é, spacey broDim, neguim só ouve roquenrou e, assim, segue limitando seus horizontes musicais. Fazê u quê?! Só sei que os downs ultrapassaram os 300 pra cada link. Será que foram os 'funkeiros' (uma tremenda sacanagem a apropriação indébita deste termo!) que baixaram e não gostaram por ter muita música e atrapalharia a verborragia deles? kkkkkkk.
Hoje estou com todos os neurônios em repouso como já lhe expliquei no e-mail.
[]ões